sábado , 18 janeiro 2020
Auto posto União
PIRES
Home / Destaques / RIO BRILHANTE: PMs disparam balas de borracha para não serem agredidos durante ocorrência de som alto
imperio e camila

RIO BRILHANTE: PMs disparam balas de borracha para não serem agredidos durante ocorrência de som alto

13

12

gif-cairos-gas-1

11

8

gif acirb

gif shop mil

gif doce paixão

 

Guarnição da Polícia Militar de Rio Brilhante utilizaram munição não letal (disparos de borracha) para conter a investida de varias pessoas durante atendimento de ocorrência de som alto em uma residência localizada no bairro Antônia de Souza Barbosa na tarde deste domingo (24).

Por: Olimar Gamarra

tt
Policias tiveram que disparar para dispersar pessoas (Foto arquivo Olimar Gamarra)

Guarnição da Polícia Militar de Rio Brilhante utilizaram munição não letal (disparos de borracha) para conter a investida de varias pessoas durante atendimento de ocorrência de som alto em uma residência localizada no bairro Antônia de Souza Barbosa na tarde deste domingo (24).

De acordo com o boletim de ocorrência, por volta das 17h varias ligações ao 190 de reclamação de som alto, levaram a viatura ate o endereço, foi constatado que o som era produzido por um veículo VW Saveiro, o proprietário do carro foi identificado e chamado para fora do imóvel que é alugado para festas, segundo a polícia.  Os militares solicitaram as chaves do veículo e informaram ao dono que o carro será apreendido, momento que o homem ‘’enfrentou’’ os policiais dizendo em tom de ameaça que ninguém iria entrar para pegar o carro.

Na seqüência o homem ainda chamou outras pessoas a fim de tumultuar a ação policial. Os militares foram cercados por vários homens e focaram acuados, segundo a ocorrência, para não serem agredidos ou desarmados um dos agentes de segurança disparou  pelo menos cinco tios calibre 12 com munição de elastômero, borracha. (sendo observadas  as medidas de segurança e a doutrina que normatiza o uso progressivo da força policial) foi possível controlar a situação e deter o suspeito, diz trecho da ocorrência.

Foi solicitado apoio de outra equipe policial, mas a viatura estava atendimento a uma partida de futebol no estádio Ninho da Águia. Diante disso o veículo não foi apreendido.

Conduzido para a delegacia de Polícia Civil, o homem ainda teria ameaçado os policiais, dizendo ‘’ essa situação não vai ficar assim, vou gastar tudo o que tenho, mas vou tirar a farda de vocês.

O caso foi registrado como  perturbação do trabalho ou do sossego alheio, ameaça e desobediência.

___________________________________________________________________________________________________________________________

4

3

2

1

 

difusora
Jesus esta voltando