quinta-feira , 14 dezembro 2017
Colégio Objetivo
Home / Destaques / RIO BRILHANTE: Festa regada a bebida alcoólica e com mais de 60 menores é interrompida com a chegada da Polícia
imperio 2

RIO BRILHANTE: Festa regada a bebida alcoólica e com mais de 60 menores é interrompida com a chegada da Polícia

gran-rio-1-1-1
gif-banner-pires-1-1-1

Com a chagada das viaturas, alguns participantes do evento, chamado de ‘’Open Bar’’, nome que faz referencia a operação.

Por: Olimar Gamarra / Maikon Junior
2ea691d9-8714-4651-8bf1-acc495be6116
Carro do Conselho Tutelar em frente a casa onde acontecia festa- Fotos ( Olimar Gamarra)

Policiais civis e militares e o Conselho Tutelar flagraram na noite deste sábado (23), dentro da operação Open Bar, uma festa que ocorria em uma residência no bairro João Zardo em Rio Brilhante. Sem o alvará para realizar o evento, com a presença de vários menores e cobrando de R$ 25.00 a R$ 30.00 a entrada o organizador de 18 anos morador no local foi preso em flagrante.

Com a chagada das viaturas, alguns participantes do evento, chamado de ‘’Open Bar’’, nome que faz referencia a operação, saíram correndo pulando muros, havendo inclusive resistência e um princípio de tumulto que foi controlado pelos policiais.

Na residência foram flagrados 64 menores com idades entre 12 e 17 anos, alem de adultos.

Todos os adolescentes foram encaminhados para o pelotão da PM, onde o Conselho Tutelar passou a entrar em contato com os pais ou responsáveis, para que comparecessem a sede da Polícia. Após assinarem um termo de compromisso, um a um, os menores foram entregues aos familiares.

80ff432d-f587-40ce-800d-5986d3cbf1ff
Latas de cerveja já consumidas pelos participantes

A criança de 12 anos flagrada no local estava com uma fita amarrada no braço, era o que identificava quem pagou para entrar na festa. O menino alegou que ingeriu bebida alcoólica. ‘’Tomei cerveja’’, disse a criança, que foi entregue para a mãe. Ele foi a festa com uma prima também menor de idade.

Participavam do evento mais de 100 pessoas entre adultos e adolescentes. Com um dos participantes foi encontrada uma pequena quantia de maconha.

O organizador foi preso em flagrante com base no ECA (Estatuto da Criança e Adolescente) Art. 243. Vender, fornecer, servir, ministrar ou entregar, ainda que gratuitamente, de qualquer forma, a criança ou a adolescente, bebida alcoólica ou, sem justa causa, outros produtos cujos componentes possam causar dependência física ou psíquica: (Redação dada pela Lei nº 13.106, de 2015) Pena – detenção de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa, se o fato não constitui crime mais grave. (Redação dada pela Lei nº 13.106, de 2015).

7282b592-1d25-4d28-a098-ccc32ab17598 (1)
Garoto de 12 anos, flagrado no evento regado a cerveja

Os próprios polícias e conselheiros se surpreenderam com o numero elevado de  menores, em um lugar onde o consumo de álcool era praticamente livre para todos e com alto risco de envolvimento com outras drogas, alem da vulnerabilidade que o local oferecia.

A maioria dos pais e responsáveis que compareceram ao pelotão, disseram não ter conhecimento de que os filhos estavam na festa. Alguns disseram acreditar que estavam na casa de amigos e outros não deram satisfação de onde estariam no momento.

d0c47365-f95d-46c6-985e-08126691fabe
Festa tinha ate iluminação nos fundos

_______________________________________________________________________

banner-espaço-vip-1

Moto Flex
anuncie aqui 2