segunda-feira , 30 março 2020
PIRES
Auto posto União
Home / Colunista / Polícia prende dois por furto de agrotóxico e identifica receptador em Rio Brilhante
imperio e camila

Polícia prende dois por furto de agrotóxico e identifica receptador em Rio Brilhante

12

11

10

09

08

07

06

05

04

Os policiais também identificaram o receptador dos bens furtados e na casa desse terceiro envolvido, no município de Rio Brilhante, as equipes recuperaram os 525 quilos de agrotóxicos levados da fazenda em Maracaju.

Por: Olimar Gamarra

640x480-82f3d99c40c2eac28776f81205c92afd
Armas e agrotóxico apreendidos ontem em Maracaju pela Defron e SIG (Foto: Divulgação/Defron)

Um homem de 51 anos e outro de 25 foram presos ontem (27) em Maracaju,  acusados de furtar agrotóxico em fazendas do município. Receptador dos produtos, morador em Rio Brilhante nao foi localizado.

Duas armas e 525 quilos de agrotóxico foram apreendidos em ação conjunta da Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira), do SIG (Setor de Investigações Gerais) de Dourados e de policiais civis de Maracaju.

A investigação que levou à prisão da dupla começou após onda de furtos a propriedades rurais de Maracaju. Segundo a Defron, que tem sede em Dourados, os furtos ocorrem devido ao alto valor comercial dos agrotóxicos. Policiais da Defron e do SIG de Dourados estão auxiliando a Polícia Civil em Maracaju nas investigações e esperam nos próximos dias identificar e prender outros autores.

Os dois homens, que moram na cidade, foram localizados ontem à tarde e confessaram o crime. Na casa do acusado de 51 anos os policiais apreenderam uma carabina de caça calibre 17 equipada com luneta e um revólver calibre 357. Foram apreendidas ainda 46 munições intactas e duas deflagradas. Além do furto, o homem foi autuado em flagrante por posse irregular de arma de fogo de uso permitido.

Os policiais também identificaram o receptador dos bens furtados e na casa desse terceiro envolvido, no município de Rio Brilhante, as equipes recuperaram os 525 quilos de agrotóxicos levados da fazenda em Maracaju.

O suspeito não foi encontrado no local, mas será indiciado por receptação e intimado para prestar esclarecimentos à polícia. A Defron informou que devido à Lei de Abuso de autoridade, não divulgará mais nomes nem imagens das pessoas presas ou investigadas.

 

Fonte: Campo Grande News

______________________________________________________________________________________________

03

02

01

difusora
Jesus esta voltando