domingo , 22 outubro 2017
Colégio Objetivo
Home / Destaques / Polícia apresenta acusados de roubo de caminhonete em Rio Brilhante: ordem para o crime partiu de presídio
Imperio contabilidade

Polícia apresenta acusados de roubo de caminhonete em Rio Brilhante: ordem para o crime partiu de presídio

gran-rio-1-1
gif-banner-pires-1-1
Por: Olimar Gamarra
06b701c1-208c-435d-83e7-cc2d3e64ca5f
Claudemir, Gabriel, Paulo Andre, Henrique, Marcos e adolescente, apresentados nesta sexta-feira ( Olimar Gamarra)

A Polícia Civil e Militar de Rio Brilhante apresentou oficialmente na tarde desta sexta-feira (15), cinco jovens e uma adolescente de 17 anos todos eles, com exceção de um de 21 anos preso por trafico de drogas e ”quebra”de regime, acusados de participação no roubo de uma caminhonete Toyota Hilux, na noite de quarta-feira na região central da cidade.

Claudemir Ruiz Cassemiro (18), o ‘’Paraguai’’morador em Amambai, Marcos Antonio da Silva Messias(20), morador em Rio Brilhante, Henrique dos Santos Amaral (24), o ”Mike” ou ”cabelo de emo”morador em Rio Brilhante e a adolescente de 17 anos,  que segundo a policia estava morando a cerca de um mês em Rio Brilhante, entes disso morava em Dourados, foram detidos na manhã de ontem (14), em Ponta Porã na fronteira com o Paraguai, após capotarem a caminhonete tomada em assalto. De acordo com a polícia que dirigia o veículo era Henrique.

Eles foram trazidos para Rio Brilhante ainda na quinta-feira, para serem autuados na cidade onde o crime ocorreu. Todos negaram que entraram na casa e rederam as vítimas, mas os policiais descobriram que Marcos, Henrique e mais dois suspeitos que já foram identificados e estão com a prisão preventiva decretada, armados, renderam as vítimas e anunciaram o assalto, enquanto Claudemir era quem mostrava o caminho ate a fronteira e a adolescente foi como acompanhante.

640x480-a143e7c568df2d87e703c7855f606efb
(Porã News)

Ainda na quinta-feira, policiais civis e militares chegaram ate Gabriel Batista Gomes (18), o ‘’Gabrielzinho’’, Paulo André Aquino de Lima (21), o ‘’P.A’’ ou ” Vera Verão”, alem de um terceiro suspeito que foi ouvido e liberado, ele deve responder por favorecimento pessoal, crime esse que não cabe a prisão, mas o mesmo continua sendo investigado. Todos presos em Rio Brilhante.

Gabriel e Paulo Andre haviam deixado a cadeia há um mês, o primeiro cumpriu pena por roubo e P.A, por trafico de drogas. De acordo com a polícia civil e militar, que trabalharam de maneira conjunta para as prisões, o grupo já vinha sendo investigado, principalmente após os dois ganharem a liberdade. ‘’Intensificamos as investigações após a saída deles do presídio. E tão logo isso aconteceu já teve o primeiro furto de veículo’’, disse os policiais em coletiva a imprensa.

Embora os detidos negarem que Gabriel tenha envolvimento no caso de assalto, ele foi preso por trafico de drogas, (com ele foi encontrado uma porção de maconha), e existem fortes indícios de participação dele em furtos de veículos nos últimos dias em Rio Brilhante. Ele nega todas as acusações. ‘’Estava até registrado para começar a trabalhar, não tenho nada a ver com isso ai’’, se defende Gabriel. Mesmo preso ele continuará sendo investigado.

Paulo André, que cumpriu pena na PED (Penitenciaria Estadual de Dourados), por trafico de drogas, também nega envolvimento nos crimes. A polícia afirma que P.A, foi recrutado por um detento da PED, identificado como Bruno Vinicius Rodrigues (24), conhecido como ‘’carpa’’, integrante de uma facção criminosa que age dentro e fora dos presídios, para roubar a caminhonete, com isso Paulo, passou aos comparsas a tarefa de cumprir a ordem de Bruno.

640x480-5bbb15d070c3fd87d894c252322854eb
Os quatro detidos pela Policia na fronteira apos caminhonete capotar- ( Porã News)

‘’A caminhonete foi encomendada de dentro do presídio’’, disse o delegado Andre Luiz de Mendonça Fernandes. Em depoimento, os presos com o veículo disseram que pretendiam vende-lo no Paraguai por cerca de R$ 15.000.00 (quinze mil reais), ou trocariam por drogas.

De acordo com o delegado, alem de representar pela prisão preventiva dos dois suspeitos que estão foragidos, também foi expedido mandado de prisão contra Bruno, que já cumpre pena em Dourados.

Para os policiais, o grupo era formado por nove suspeitos, destes, seis estão presos.

Questionado se as investigações se encerram com as prisões, tanto o delegado quanto a polícia militar afirmam que não. ‘’Ainda temos que localizar e prender o restante desses criminosos o que é uma questão de tempo, já temos as identificações deles, endereço, então acreditamos que dentro de alguns dias todos estarão presos’’.

Uma arma de fogo (garrucha) foi localizada e apreendida na casa de Henrique, os policiais acreditam que está é uma das armas usadas no assalto.

Os seis passaram por audiência de custódia na tarde de hoje (15), no Fórum e Rio Brilhante onde tiveram as prisões em flagrante convertidas em preventiva, sem data para terminar, e em seguida os cinco maiores foram transferidos ao estabelecimento penal, a menor foi recolhida em uma das celas da Delegacia onde aguardará um vaga em UNEI.

De todos os presos somente, o rapaz que foi ouvido e liberado não tinha passagem pela polícia.

Eles devem responder por roubo majorado pelo emprego de arma de fogo, roubo majorado pela restrição de liberdade da vítima, associação criminosa majorada, posse irregular de arma de fogo, roubo majorado pelo concurso de pessoas e roubo majorado de veículo com a intenção de transportá-lo a outro estado, e trafico de drogas no caso de Gabriel.

Em Rio Brilhante as investigações que estão em andamento esta sendo feita de maneira integrada entre as policiais civil e militar.  ‘’Queremos dar uma resposta rápida para a sociedade, não deixamos em nenhum momento de nos empenhar, em buscar esclarecer os crimes e apresentar os autores’’. Destaca a polícia civil e militar.

A recuperação da caminhonete e conseqüentemente as detenções na fronteira contou com apoio da PRF (Polícia Rodoviária Federal), Policia Militar de Ponta Porã e Polícia Nacional do Paraguai.

O CRIME

Na noite de quarta feira(13), por volta de 22h30 os ladroes rederam o casal de namorados em frente a casa e depois invadiram a residencia que fica na Rua Dr Boa Ventura próximo ao antigo DNIT, fizeram os moradores de reféns, roubaram objetos de valor e fugiram na Hilux placa OOS-4002. O dono da caminhonete um jovem de 23 anos estava na casa com a namorada também de 23 anos e a sogra, quando os ladrões anunciaram o assalto, eles ficaram amarrados  por aproximadamente uma hora e meia , logo em seguida conseguiram se soltar e pediram ajuda.

 

______________________________________________________________________

banner-espaço-vip

 

 

 

 

Moto Flex
anuncie aqui 2