domingo , 22 julho 2018
gif pires
Auto posto União
Home / Cidades / Maracaju: Mulher é morta a golpes de faca na vila Adrien, em mais um caso de feminicídio
imperio 2

Maracaju: Mulher é morta a golpes de faca na vila Adrien, em mais um caso de feminicídio

gif-farmacia-flor-de-lis-1-1

gif-banner-pires-1-1-1-1-1-1-1-1-1

Marta possuía medida protetiva da justiça, que obrigava Valdemir a ficar distante da mesma, devido as agressões e ameaças sofridas por Marta.

POR: Maracaju Speed
maracaju-mulher-e-morta-a-golpes-de-faca-na-vila-adrien-em-mais-um-caso-de-feminicidio-1523454644
Local do assassinato de mãe na frente da filha de apenas três anos de idade. / Foto: Robertinho

O caso ocorreu por volta das 23:00h de ontem (10), na Rua Independência, Vila Juquita, onde a mãe e vítima Marta de Jesus Carvalho (37) foi assassinada a golpes de faca pelo seu ex esposo.

Segundo relatos de testemunhas que moravam na mesma residência da vítima e presenciaram ocularmente o fato, relataram que o autor Valdemir Valensuela Alegre (47) chegou horas antes na residência em uma bicicleta e afirmou que deseja pegar a filha do casal de apenas três anos de idade para dar alguns presentes e alimentos a criança, sendo que Marta atendeu o pedido de Valdemir e entregou a criança ao pai, que saiu com a mesma sem expressar qualquer tipo de agressividade, ou que até mesmo que estaria planejando assassinar a sua ex mulher.

Posteriormente por volta das 23:00h, Valdemir Valensuela Alegre (47) voltou a residência de bicicleta com a criança no colo e quando a mãe saiu e recebeu a criança, Valdemir em posse de uma faca desferiu um golpe contra o peito de Marta que ainda estava com a filha no colo, após ser ferida Marta ainda conseguiu colocara a filha no chão e tentou escapara das facadas mas foi novamente ferida no abdômen com uma segunda faca, e quando tentou correr ao interior da residência, foi novamente atingida por um terceiro golpe de faca da região lombar (costas), a filha de três anos de idade, assistiu a ação do pai esfaqueando a mãe.

Marta caiu ao solo aos fundos da residência e veio a óbito no local.

Valdemir empreendeu fuga de bicicleta, tomando de rumo ignorado pelas testemunhas. Familiares e amigos de Marta acionaram o Corpo de Bombeiros através do telefone de emergência 193, pois Marta ainda estava com sinais vitais, mas com a chegada dos militares do Corpo de Bombeiros no local, infelizmente a mãe/vítima estava em óbito. A Polícia militar foi acionada e compareceu no local e em posse da identificação do autor iniciou inúmeras rondas e diligências no intuito de localizar o mesmo, porém sem êxito.

Mediante o caso a Polícia Civil também foi acionada e compareceu no local e também realizou diligências no intuito de localizar o autor, porém sem êxito. A Perícia técnica da cidade de Dourados foi acionada e se deslocou a Maracaju, onde realizou os procedimentos técnicos e liberou o corpo aos familiares.

Marta possuía medida protetiva da justiça, que obrigava Valdemir a ficar distante da mesma, devido as agressões e ameaças sofridas por Marta.

Nossa justiça anda mesmo de olhos vendados, e agora qual medida protetiva, trará a mãe para uma menina de apenas três anos de idade, que presenciou a mãe ser assassinada.

O caso está sendo investigado pelos Agentes do SIG, na tentativa de localizar o autor. Se você possuir qualquer informação sobre o paradeiro de Valdemir Valensuela Alegre (47) ligue no telefone de emergência 190 da Polícia Militar ou 3454-1972 da Polícia Civil de Maracaju e denuncie, faça o seu papel colocando este assassino nas mãos da justiça.

 

_____________________________________________________________________________________

milkoisa-gif

MK-serralheria-1-1-1-1-2-1

feirão multi marcas

câmara municipal
Jesus esta voltando