quinta-feira , 14 dezembro 2017
Colégio Objetivo
Home / Destaques / Homem ferido com canivete em Rio Brilhante morre no hospital da Vida
imperio 2

Homem ferido com canivete em Rio Brilhante morre no hospital da Vida

gran-rio-1-1-1-1
gif-banner-pires-1-1-1-1

De acordo com o boletim de ocorrência, Cléber foi esfaqueado por Jerri Andrade Machado que depois foi agredido pelo irmão de Cléber.

Por: Olimar Gamarra
23231332_149443365801619_5393966787860961354_n
Cléber tinha 38 anos e morreu no HV- Foto- (Facebook)

Cléber Diniz da Silva de 38 anos morreu na noite desta terça-feira (28) no hospital da Vida em Dourados, após ser ferido com golpes de canivete após um desentendimento na noite do ultimo dia 19 em sua residência em Rio Brilhante.

De acordo com o boletim de ocorrência, Cléber foi esfaqueado por Jerri Andrade Machado que depois foi agredido pelo irmão de Cléber que para vingar o esfaqueamento do irmão deu varias pauladas em Jerri que desmaiou e só acordou horas depois no hospital de Rio Brilhante.

Cléber foi socorrido ao hospital local mas devido a gravidade dos ferimentos foi transferido para o hospital da Vida de Dourados onde passou por cirurgia de amputação do braço esquerdo devido aos golpes e na noite de hoje não resistiu.

Após receber alta medica, Jerri compareceu a delegacia de polícia civil de Rio Brilhante onde foi ouvido e liberado. Ele relatou que no dia do crime ele, Cléber e o irmão estavam ingerindo bebida alcoólica quando ouve um desentendimento em seguida ele foi atingido com uma paulada, revidou dando ”canivetadas”, em Cléber. O motivo que ainda sera confirmado pela polícia, foi que os dois já teriam uma desavença antiga.

A mãe dos irmãos Diniz que é madrinha de Jerri saiu para fora e pediu para os filhos pararem as agressões. Ao deixar o local Jerri informou que foi abordado pelo irmão de Cléber que disse ”você furou meu irmão, agora vou te matar”, passando a lhe agredir com pauladas o deixando desmaiado.

O caso foi registrado como lesão corporal e alterado logo após a confirmação da morte de Cléber para lesão corporal seguida de morte. O delegado do caso ainda não deu mais informações sobre os procedimentos a serem tomados a partir de agora.

SEGUNDA VÍTIMA

Cícero Aparecido Santos Silva de 32 anos  esfaqueado no dia  19 de julho desse ano em uma residência na rua Adolfo Paulino de Matos, bairro Nery Lima, morreu na noite do ultimo domingo (26), no hospital de Rio Brilhante.

O autor do crime Osmar Roque de 21 anos esta foragido.  RELEMBRE O CASO CLICANDO AQUI.

_______________________________________________________________________

MK-serralheria-1

 

Moto Flex
anuncie aqui 2